Graffiti from Berlin

| | 18 de jun de 2010
|

Grafitti é o plural de Grafito e vem do italiano, era uma expressão usada para definir as escrituras nas paredes do império romano. O grafite é toda e qualquer inscrição caligrafada em uma superfície que não tem essa finalidade. Ou seja, grafite só é grafite se não for ao papel, o graffiti tem que estar grafado em uma superfície que não foi feita para ser escrita inicialmente. Já foi visto como vandalismo, comparado à pichação, mas não é bem assim que a coisa funciona! O grafite é considerado arte urbana e é mais fácil de ser removida das paredes, a pichação funciona do mesmo jeito, trata-se também de palavras e frases escritas em paredes, mas são mais difíceis de serem removidos e a pichação não é considerada arte!!
 O Grafite não precisa estar necessariamente em uma parede, pode estar no asfalto, pode estar nas roupas, nos tênis, nos skates, nas lixeiras e etc.. O importante é que esteja em um lugar onde não era para essa finalidade, mas eu acho que hoje a arte urbana está com muito mais liberdade, sendo que hoje qualquer lugar é propicio para se grafitar, hoje os artistas estão ganhando mais espaço e respeito nas ruas! Então eu acho que esse conceito de grafite, deve ser reformulado, mas sem desconsiderar o que ele era antes, afinal eu acho que hoje o graffiti sofreu uma grande evolução!!
Quando era moleque sempre admirei os graffiteiros desde a habilidade e facilidade com que tinham em desenhar, quanto a cara de pau(isso sempre tive), tentei inúmeras vezes mas todas sem sucesso, nunca fui hábil com desenho, apesar de criar throw ups e tags bacanas, nunca passei disso. Encaro o graffiti como uma arte que sempre existiu, não só arte, mas uma forma de comunicação, expressão da realidade, tudo bem eu sei isso não é novidade, até porque na idade das cavernas nossos ancestrais desenhavam para se comunicar, enfim, admiro muito e sempre procuro pela internet, na época em que eu era mais ativo com essa arte, sempre admirei o trabalho do Os Gêmeos(já cheguei a ir pra sampa quando era moleque com alguns amigos para encontrar eles), que saíram da marginalidade e conquistaram o mundo, hoje são encarados como artistas contemporâneos(¬¬)tá, não deixam de ser, mas só depois que alguém foda do ramo reconhece para a sociedade aceitar, e evoluíram muito com o trabalho deles. Esses dias deparei-me com o trabalho do alemão MTO, além de achar iradíssimo o trabalho, ele chegam praticamente à perfeição, são imagens de filmes e cantores, vou deixar que o trabalho do MTO fale por ele...

















De quebra vai um pouco do trabalho do Os Gêmeos...










1 Insanidades:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails
 

Blog Archive

Seguidores

Tenha seu próprio domínio Grátis!