Poemas são as sensações da alma.

| | 1 de nov de 2010
|

Como é de costume, sempre coloco um fundo musical acompanhando meus textos e poemas, e para esse novo poema, ninguém melhor que o grande saxofonista Gato Barbieri.

 

Sussuros.

Quando fecho os olhos, sinto o perfume envolvendo a alma...
Embriagando o coração a ponto de fazê-lo perder o rumo.
Ahh sim, o rumo que todos perdemos quando estamos apaixonados...
Apaixonado, sem rumo e embriagado... Perdido!
Perdidamente encorajado por um coração solitário que branda e luta...
Luta contra a consciência, contra tudo e todos para encontrar a paixão...
A paixão tão desejada, a paixão que lhe apertava o peito mesmo sem saber.
A paixão que engasgava sua garganta e povoava sua mente...
Até o dia em que, frente à frente, ele a olhou e, baixinho em seu ouvido, quase que indecífravelmente sussurou... Amo você!

                                                                                                         Rodrigo Bittencourt.


0 Insanidades:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails
 

Blog Archive

Seguidores

Tenha seu próprio domínio Grátis!